Grupo I - Arara

PROJETO CARTA ÀS FAMÍLIAS ARARAS


Título: Carta às famílias “Araras” em tempos de covid-19: Conhecendo histórias e brincadeiras folclóricas 

 

Unidade Acadêmica:

CEPAE – Departamento de educação infantil

 

Público Atendido: 

Crianças do Departamento de Educação infantil na faixa etária de um a dois anos de idade, grupo 1, Arara.

 

PERÍODO DE REALIZAÇÃO

 

Data Inicial:

31/08/2020

 

Data Final:

22/01/2021

 

Justificativa

 

Tendo em vista as medidas de distanciamento social devido a propagação do Covid 19, a decisão pelo retorno das atividades educativas não-presenciais da Universidade Federal de Goiás, a decisão do conselho diretor do Centro de Ensino e Pesquisa Aplicada a Educação (CEPAE) pela realização de atividades assíncronas com as crianças, bem como os Manuais de orientações da Organização Mundial da Saúde e da Sociedade Brasileira de Pediatria, recomendando que as crianças menores de 2 anos não devem ter contato com as telas, propomos este projeto em formato de cartas as famílias das crianças de 1 a 2 anos de idade do Departamento de Educação Infantil (DEI) do Centro de Ensino e Pesquisa Aplicada a Educação (CEPAE) da Universidade Federal de Goiás (UFG), na tentativa de contribuir com a ampliação das experiências e saberes relacionados aos conhecimentos que fazem parte do patrimônio histórico, cultural e artístico do Brasil, tendo como eixo principal as interações e as brincadeiras. Acreditamos que a criança de 1 a 2 anos de idade se desenvolve a partir das relações sociais e afetivas estabelecidas com o adulto e outras crianças, portanto, nesse caso, a família será imprescindível para que as ações sejam concretizadas.   

  

Objetivo Geral

Proporcionar diferentes momentos de interação entre a instituição, as famílias e as crianças do agrupamento Arara em tempos de covid-19, conhecendo as brincadeiras e as histórias folclóricas brasileiras.

 

Objetivos Específicos 

Contribuir para o fortalecimento dos vínculos afetivos entre a criança e a família; 

Incentivar as crianças e seus familiares a realizarem diferentes brincadeiras folclóricas. 

Proporcionar momentos de escuta e interação entre as famílias, as crianças e a instituição.

Ampliar as experiências históricas, artísticas e culturais brasileiras das famílias e crianças do grupo arara.



Metodologia Fundamentada:

 

A implementação do projeto "Carta às famílias Araras em tempos de covid-19: Conhecendo histórias e brincadeiras folclóricas" do Departamento de Educação Infantil do CEPAE ocorrerá considerando os seguintes procedimentos, estratégias e ações: 

Na primeira ação, apresentaremos o projeto de ensino as famílias do agrupamento arara em reunião síncrona.

 

No mês de setembro, enviaremos cartas as famílias Araras, tendo como tema principal as Cantigas de roda. As músicas serão disponibilizadas em áudio por meio de podcast, ou links das canções disponíveis no Youtube, para escuta das crianças. Ao final do mês, ouviremos as demandas, sugestões e críticas das famílias do agrupamento arara em reunião síncrona.

 

No mês de outubro, as cartas serão enviadas tendo em vista o tema: as lendas e parlendas folclóricas. As histórias folclóricas escolhidas também serão disponibilizadas em formato de áudio, ou links do Youtube. Ao final do mês, ouviremos as demandas, sugestões e críticas das famílias do agrupamento arara em reunião síncrona.

 

No mês de novembro, o tema principal das cartas serão sobre as brincadeiras folclóricas.

Ao final do mês, ouviremos as demandas, sugestões e críticas das famílias, em atividade síncrona.

 

No mês de dezembro enviaremos carta as famílias Araras, com o tema principal: Artesanato folclórico utilizando argila ou massa de modelar, para a produção de uma obra de arte folclórica.

 

No mês de janeiro, o tema principal das cartas será sobre as comidas típicas folclóricas, para que as crianças experimentem e sintam diferentes texturas. Ao final do mês, ouviremos as demandas, sugestões e críticas das famílias do agrupamento arara em reunião síncrona.

 

Ao final do projeto, elaboraremos um e-book com os registros das cartas e os momentos de interação realizados entre as famílias e as crianças, conforme a proposta enviada. Este registro será feito tendo em vista a autorização das famílias para a divulgação dos registros feitos por elas.

 

Resultados esperados 

 

Esperamos contribuir com o desenvolvimento da criança de 1 a 2 anos de idade; estreitar os vínculos entre a criança, a família e o Departamento de Educação Infantil; ampliar os conhecimentos e as experiências artísticas e históricas e culturais brasileiras.

 

Cronograma 

Planejamento.............................................agosto 

1ª ação ................................................ .... setembro

2ª ação........................................................setembro

3ª ação ........................................................outubro 

4ª ação.........................................................outubro

5ª ação.........................................................novembro 

6ª ação.........................................................novembro

7ª ação.........................................................dezembro 

8ª ação.........................................................dezembro

9ª ação..........................................................janeiro

10ª ação.........................................................janeiro

11ª ação.........................................................janeiro

 

Referências 

 

BRASIL Ministério da Educação. Conselho Nacional da Educação. Referencial curricular nacional para a Educação Infantil. Brasília, DF, 1998.

 

BRASIL. Ministério da Educação. Conselho Nacional da Educação. Diretrizes curriculares nacionais para a Educação Infantil. Brasília, DF, 1999.

 

BRASIL. Organização do trabalho pedagógico do Departamento de Educação Infantil. Goiânia, 2019.

 

SOCIEDADE BRASILEIRA DE PEDIATRIA. Saúde de Crianças e Adolescentes na era digital. Manual de Orientação nº 1, 10/2016. Disponível em: https://www.sbp.com.br/fileadmin/user_upload/2016/11/19166d-MOrient-Saude-Crian-e-Adolesc.pdf. Acesso em: 15.08.2020

 

OPAS/OMS BRASIL. Para crescerem saudáveis, crianças precisam passar menos tempo sentadas e mais tempo brincando. Disponível em: https://www.paho.org/bra/index.php?option=com_content&view=article&id=5919:para-crescerem-saudaveis-criancas-precisam-passar-menos-tempo-sentadas-e-mais-tempo-brincando&Itemid=839. Acesso em: 15.08.2020.



Related Files Size Archive Fingerprint
Plano de Trablho - Arara - 2020 117 Kb 3d4c98585f4f6c2d83c1f4b846634beb